Qual a melhor roupa para correr?

Começar a correr é um desafio para homens e mulheres que desejam mudar sua rotina em benefício da saúde e do corpo. Para dar certo, basta ter vontade de começar, a adaptação na rotina e o costume, certo?

Nem sempre. Existem muitos outros detalhes que envolvem a corrida que muita gente nem se preocupa. E uma delas é a roupa usada na hora de praticar corrida. Pode-se pensar que esse tipo de detalhe não faça diferença para quem corre, mas esse tipo de pensamento está errado.

A escolha da roupa que você usa durante a corrida pode mudar completamente o desempenho e o resultado das corridas. Afinal, com mais conforto, você se sente mais disposto para ir mais longe, não é mesmo? Confira o melhor tipo de roupa para começar a correr.

Camiseta/Top

Como a camiseta e o top, no caso da mulher, cobrem grande parte do corpo, que acaba recebendo mais transpiração que os demais, devem ser escolhidas com cuidado.

É totalmente normal o uso de camisetas mais surradas e velhas para começar a praticar, como é o caso de muitos corredores iniciantes, mas com o passar do tempo, a opção de uma roupa própria para a corrida pode fazer a diferença.

No caso das camisetas (ou regatas), as confeccionadas em poliéster são as mais indicadas, já que retém melhor o suor e são mais confortáveis e leves do que as de algodão. No mercado, existem variados tamanhos, estilos e opções para o calor e para o frio, cabendo em diversos orçamentos.

Já o top, para a mulher, estão disponíveis peças, também de variados estilos, que mudam na questão conforto para cada pessoa. Escolha sempre malhas mais leves, que não apertam e que mantêm o conforto mesmo em movimento.

Shorts

Os shorts, tanto masculino como feminino, também são peças que precisam estar de acordo com o lado do conforto, leveza e transpiração. Aqui também listamos as calças e leggings, que são usadas em dias e locais mais frios, confeccionadas em diferentes tecidos.

Em caso de problemas com assaduras, é indicado falar com um médico para ele sugerir qual roupa é a mais adequada, que auxilie na prática, sem prejudicar as pernas.

Quanto às peças íntimas, podem ser usadas as mais largas, confortáveis e leves. Muitos shorts, no caso dos homens, têm a opção de roupa íntima embutida, mas no caso das mulheres, o uso adequado de calcinhas confortáveis e sutiãs sem bojo, com pouco tecido embutido e com material firme, podem resolver na hora da corrida.

Meia e Tênis

As meias, junto dos tênis, são as maiores responsáveis pelo conforto de quem corre. Isso porque, devido ao alto impacto dos pés contra o solo, muitos machucados podem aparecer nessa área, e as meias e tênis são os responsáveis por minimizarem esses efeitos.

No caso das meias, existem opções técnicas também, próprias para a prática da corrida, produzidas em tecidos leves e finos, que permitem a transpiração e ventilação dos pés, ação importante durante a prática.

No caso do tênis, o mais indicado é procurar pela ajuda de um especialista, que analise o seu tipo de pisada e histórico de lesões, por exemplo, para ajudá-lo na melhor escolha, já que o tênis é o item mais importante na hora de correr.

Outros acessórios

O ideal na hora de correr é usar o mínimo de acessórios possíveis para melhorar o desempenho e o conforto, mas em muitos casos, alguns outros acessórios são indispensáveis para não prejudicar a prática de corrida. São eles:

  • Óculos de sol
  • Protetor solar
  • Boné ou faixa
  • Relógio com cronômetro (para casos de medida de desempenho)
  • Garrafa de água

 

Para melhorar seu bem-estar e sua qualidade de vida, conte com os produtos que a Cardiomed oferece para você e vá mais longe.

Os benefícios dos Exercícios Físicos para a Mente

A prática de atividades físicas regulares ajuda no bom funcionamento do organismo, auxilia na redução de gordura corporal, controla taxas de glicêmicas, triglicerídeos e pressão arterial. Os praticantes de exercícios físicos também possuem imunidade mais elevada, além de condicionamento físico e disposição bem maiores. A prática favorece o emagrecimento, definição e tonificação muscular.

Mas não é só o corpo físico e biológico que se favorecem com a prática regular de atividades, sendo que a adoção de uma rotina saudável impacta em todas as esferas da vida, sobretudo na saúde mental.

Os exercícios relaxam, aliviam estresse, estimulam a produção de endorfina e proporcionam mais bem-estar. Ainda que cada atividade proporcione diferentes resultados e estímulos, a prática de alguma modalidade que se adapte aos seus objetivos e perfil traz melhorias em aspectos biológicos, sociais, pessoais e mentais.

 

Libere Endorfina para ser mais feliz

Durante a prática de atividades físicas, o corpo libera mais endorfina, hormônio produzido pelo cérebro que interfere diretamente na percepção de dor e emoção. Dependendo da atividade realizada, o estímulo corporal proporciona relaxamento como em yoga, alongamento, ou alívio de estresse, por exemplo em esportes de impacto.

Quando o exercício exige força e impacta na musculatura ou concentração, a descarga emocional geralmente acompanha a prática. Por exemplo, lutas ou musculação elevam a adrenalina, que incentiva e proporciona mais resistência física e, após o relaxamento, ocorre a sensação de prazer e bem-estar, alívio de estresse e raiva.

Auto estima em alta

A prática de atividades físicas representa um autocuidado. Ao estabelecer uma relação mais saudável com o seu corpo, o bem-estar aumenta e, consequentemente, sua autoestima também. A adoção dos exercícios físicos não deve ser incentivada só pela busca de um corpo estético desejado, mas por uma melhora em todos os aspectos.

Pesquisas indicam que pessoas que sofrem depressão ou distorção de autoimagem têm melhoras significativas com as atividades físicas.

 

Prevenção começa cedo

Realizar atividades físicas tem melhoras a curto, médio e longo prazo. Se, a princípio, elas melhoram taxas de gordura, colesterol e glicemia, a longo prazo também não faltam benefícios. Com o estímulo do hipocampo, acarretado pelos exercícios, há melhoras na memória e na concentração, além de diminuir os riscos de doenças degenerativas.

beneficios-do-exercicio-para-mente

 

Nunca é cedo nem tarde demais para iniciar uma rotina de atividades, mas estudos indicam que se praticá-los entre 25 e 45 anos, eles terão maior impacto para um envelhecimento saudável.

 

Mais concentração e menos ansiedade

Assim como na depressão, as atividades físicas auxiliam na melhora da ansiedade e na concentração. Tanto nos casos de ansiedade contínua, quanto nas crises ansiosas, há uma melhora significativa no quadro emocional.

Ao adotar uma rotina de atividades, seu corpo físico ganha mais condicionamento, reduzindo o cansaço e dando mais disposição para a rotina de trabalho. Também, ao estabelecer um tempo de cuidado pessoal, relaxamento e distração, você alivia a pressão e adquire mais disposição mental para lidar com problemas.

 

Para acertar na escolha do exercício

Que a prática de atividades físicas proporciona maior bem-estar e saúde mental não há dúvidas. Mas você pode escolher a que melhor se adapta a você e aos seus objetivos. Musculação, lutas, cross fit e modalidade de alto impacto são boas para trabalhar o fortalecimento muscular, condicionamento físico e ganho de massa magra. Já atividades como pilates, yoga, dança, corrida, ou caminhada favorecem a queima calórica, o condicionamento físico e a resistência e tonificação muscular.

No inverno, não pare de se exercitar!

Sabemos que a vontade de ficar em casa embaixo das cobertas é muito maior que sair correr na rua em pleno inverno, por exemplo. Levantar cedo para ir malhar ou sair do trabalho direto para a academia, não é nada animador quando está aquele friozinho. O que queremos dizer com esse post é: deixa essa preguiça para lá! É necessário continuar com a rotina de exercícios, até porque no inverno, sair da dieta é muito mais fácil.

A Cardiomed traz algumas dicas para você aplicar no seu dia a dia e conseguir vencer essa vontade de ficar só em casa e deixar os treinos de lado, confira:

Decisão

Ao sair do trabalho, afaste os pensamentos que giram em torno da sua cama ou sofá quentinhos, simplesmente vá para a academia como nos outros dias. Outra dica é não passar em casa antes de ir malhar, leve tudo que precisa na bolsa, para ir direto. Nada de decidir embaixo das cobertas se irá treinar ou não, pois a chance de você conseguir levantar e ir, é muito pequena.

Disciplina

Criar uma rotina de exercícios, irá te impedir de faltar ao treino. Ao invés de decidir na hora, se vai ou não, você pode se organizar. Escolha o horário e os dias da semana que deseja treinar, assim você cria uma rotina disciplinada e aos poucos irá sentir cada vez menos vontade de faltar.

no-inverno-não-pare-de-se-exercitar

Companhia

Se tiver, melhor. Uma companhia irá te incentivar a não faltar, alcançar suas metas, encarar novos desafios. Algumas academias oferecem pacotes especiais para famílias e até descontos na indicação de outra pessoa. Seja para malhar em academias ou se exercitar na rua ou em parques, uma companhia pode ser o diferencial. Motivem-se!

Horário

Algumas pessoas gostam de treinar a noite, após o trabalho, porém se você acha que a vontade de ir para casa será muito maior, que tal treinar pela manhã? Assim você já se livra desse compromisso logo cedinho, depois é só sair do trabalho e ir para casa.

Atividades

Prefira atividades mais prazerosas àquelas que você faz só por obrigação. Matricule-se em atividades indoor, como zumba, step, jump, artes marciais, natação em piscina aquecida, jogos em quadras cobertas, etc.

E agora, sem desculpas! A saúde necessita que cuidemos dela em todas as estações do ano, então deixe a preguiça de lado e continue caprichando nos exercícios físicos!

Exercícios abdominais para fazer em casa

Frequentar a academia ou ter a ajuda de um personal trainer é um privilégio que nem todos podem ter, mesmo assim, existem vários exercícios que poder ser feitos em casa e, trazer grandes resultados ao corpo, como aquela barriguinha sarada tão almejada por muitos. No blog de hoje, separamos para você uma lista com 5 tipos de exercícios abdominais, que podem ser feitos em casa. Vamos dar uma olhada!

Continue lendo

Batata Doce ajuda a emagrecer e a ganhar massa muscular

Amada por atletas de alta performance e até por quem está começando a vida de exercícios, a batata doce está no topo da lista entre de alimentos de quem pratica atividade física com frequência. Se você quer potencializar o seu treino ou simplesmente emagrecer, ela é o aliado perfeito. Vejamos então, como e porque esse carboidrato ajuda tanto a vida de quem malha.

 

Continue lendo