Como não se render as delícias das festas de fim ano, carnes, pratos especiais e sobremesas à vontade, deixando a mesa sempre farta?  Mas como todos já sabem, essas refeições costumam ser mais pesadas e calóricas e, se você não quer começar o ano com aqueles quilinhos a mais é só seguir alguns passos e focar em uma alimentação balanceada.

Cuide da alimentação

Cuidar da alimentação não quer dizer seguir uma dieta rigorosa, basta ter uma rotina balanceada:

  • Alimentos mais leves: frutas (aproveite as frutas de época), saladas, legumes crus e cozidos, sucos, vitaminas, gelatinas, salada de frutas, cereais (arroz integral, grãos). Estes alimentos são digeridos com mais facilidade e evitam desconfortos intestinais, além de possuir grande quantidade de água, vitaminas e minerais. O Além disso, fornecem poucas calorias e contribuem para a eliminação do peso adquirido nas festas.
  • Evite alimentos ricos em gordura: frituras, alimentos industrializados de forma exagerada, alimentos que possuam muita gordura como churrasco, maionese, etc.

 

Crie um diário alimentar

Outra alternativa, é o uso de um diário alimentar, nesse caso você fará um acompanhamento mais detalhado de tudo o que come, assim podendo avaliar e controlar melhor suas refeições.

 

Como fazer um diário alimentar

Você pode seguir o método tradicional de anotações em um pequeno caderno ou utilizar algum aplicativo (existem vários disponíveis para smartphones). Para obter bons resultados você deverá monitorar a data, horário, local, cada item que consumir, quantidade e qualquer observação importante.

 

  1. Organização: crie uma tabela com colunas para cada item. Isso facilitará na hora de preencher todos os dados e depois interpretá-los.
  1. Faça as anotações sempre que for comer: Não deixe para registrar apenas no final do dia. Assim você não corre o risco de esquecer alguma coisa.
  1. Preste atenção no tamanho da porção:  preste atenção no tamanho da porção: você pode praticar utilizando copos ou colheres de medida.
  1. Aposte na comida caseira: comendo em casa você terá maior controle das refeições.
  1. Registre tudo: você deve registrar qualquer refeição, lanches e outros alimentos bolachas e frutas, por exemplo.
  1. Bebidas também entram na lista: anote tudo o que você beber, inclusive água.
  1. Saiba quais são as calorias: pesquise qual é a quantidade de calorias o alimento que você pretende consumir possui.
  1. Local, data e hora: é importante que você marque essas informações com exatidão, isso ajudará a você encontrar quais são os seus padrões e hábitos alimentares.
  1. Registre suas sensações: anote como você se sente após cada refeição, a ideia é saber como você se comporta após uma refeição, qual a sensação que fica depois de comer. Você pode criar uma coluna ao lado de cada item que for ingerido. Essa avaliação deve ocorrer entre 10 a 20 minutos depois de comer, pois é normalmente o tempo que leva para a comida ter efeito no seu sistema.

 

Avaliando os resultados

Depois de algumas semanas seguindo o diário você poderá notar alguns padrões em suas refeições, coisas como comer a mesma coisa no café da manhã diariamente, almoçar no mesmo horário.

 Reflita:

  • Existem padrões relacionados a como os alimentos afetam o seu humor?
  • Quais refeições dão a sensação de estar com mais fome e quais dão mais saciedade?
  • Em quais situações você costuma comer exageradamente?
  • Como você se sentiu após comer cada alimento?

Assim você terá detalhadamente a razão pela qual você come. A proposta dessa dieta é proporcionar uma maior consciência sobre a sua alimentação, ajudá-lo a ter mais responsabilidade em cada refeição.

Além disso, manter o corpo em atividade também é importante, praticar exercícios também faz parte de uma rotina saudável.

Você também poderá gostar de HIIT – Treinamento de Alta intensidade para extinguir a gordura corporal.