Qual a melhor roupa para correr?

Começar a correr é um desafio para homens e mulheres que desejam mudar sua rotina em benefício da saúde e do corpo. Para dar certo, basta ter vontade de começar, a adaptação na rotina e o costume, certo?

Nem sempre. Existem muitos outros detalhes que envolvem a corrida que muita gente nem se preocupa. E uma delas é a roupa usada na hora de praticar corrida. Pode-se pensar que esse tipo de detalhe não faça diferença para quem corre, mas esse tipo de pensamento está errado.

A escolha da roupa que você usa durante a corrida pode mudar completamente o desempenho e o resultado das corridas. Afinal, com mais conforto, você se sente mais disposto para ir mais longe, não é mesmo? Confira o melhor tipo de roupa para começar a correr.

Camiseta/Top

Como a camiseta e o top, no caso da mulher, cobrem grande parte do corpo, que acaba recebendo mais transpiração que os demais, devem ser escolhidas com cuidado.

É totalmente normal o uso de camisetas mais surradas e velhas para começar a praticar, como é o caso de muitos corredores iniciantes, mas com o passar do tempo, a opção de uma roupa própria para a corrida pode fazer a diferença.

No caso das camisetas (ou regatas), as confeccionadas em poliéster são as mais indicadas, já que retém melhor o suor e são mais confortáveis e leves do que as de algodão. No mercado, existem variados tamanhos, estilos e opções para o calor e para o frio, cabendo em diversos orçamentos.

Já o top, para a mulher, estão disponíveis peças, também de variados estilos, que mudam na questão conforto para cada pessoa. Escolha sempre malhas mais leves, que não apertam e que mantêm o conforto mesmo em movimento.

Shorts

Os shorts, tanto masculino como feminino, também são peças que precisam estar de acordo com o lado do conforto, leveza e transpiração. Aqui também listamos as calças e leggings, que são usadas em dias e locais mais frios, confeccionadas em diferentes tecidos.

Em caso de problemas com assaduras, é indicado falar com um médico para ele sugerir qual roupa é a mais adequada, que auxilie na prática, sem prejudicar as pernas.

Quanto às peças íntimas, podem ser usadas as mais largas, confortáveis e leves. Muitos shorts, no caso dos homens, têm a opção de roupa íntima embutida, mas no caso das mulheres, o uso adequado de calcinhas confortáveis e sutiãs sem bojo, com pouco tecido embutido e com material firme, podem resolver na hora da corrida.

Meia e Tênis

As meias, junto dos tênis, são as maiores responsáveis pelo conforto de quem corre. Isso porque, devido ao alto impacto dos pés contra o solo, muitos machucados podem aparecer nessa área, e as meias e tênis são os responsáveis por minimizarem esses efeitos.

No caso das meias, existem opções técnicas também, próprias para a prática da corrida, produzidas em tecidos leves e finos, que permitem a transpiração e ventilação dos pés, ação importante durante a prática.

No caso do tênis, o mais indicado é procurar pela ajuda de um especialista, que analise o seu tipo de pisada e histórico de lesões, por exemplo, para ajudá-lo na melhor escolha, já que o tênis é o item mais importante na hora de correr.

Outros acessórios

O ideal na hora de correr é usar o mínimo de acessórios possíveis para melhorar o desempenho e o conforto, mas em muitos casos, alguns outros acessórios são indispensáveis para não prejudicar a prática de corrida. São eles:

  • Óculos de sol
  • Protetor solar
  • Boné ou faixa
  • Relógio com cronômetro (para casos de medida de desempenho)
  • Garrafa de água

 

Para melhorar seu bem-estar e sua qualidade de vida, conte com os produtos que a Cardiomed oferece para você e vá mais longe.

No inverno, não pare de se exercitar!

Sabemos que a vontade de ficar em casa embaixo das cobertas é muito maior que sair correr na rua em pleno inverno, por exemplo. Levantar cedo para ir malhar ou sair do trabalho direto para a academia, não é nada animador quando está aquele friozinho. O que queremos dizer com esse post é: deixa essa preguiça para lá! É necessário continuar com a rotina de exercícios, até porque no inverno, sair da dieta é muito mais fácil.

A Cardiomed traz algumas dicas para você aplicar no seu dia a dia e conseguir vencer essa vontade de ficar só em casa e deixar os treinos de lado, confira:

Decisão

Ao sair do trabalho, afaste os pensamentos que giram em torno da sua cama ou sofá quentinhos, simplesmente vá para a academia como nos outros dias. Outra dica é não passar em casa antes de ir malhar, leve tudo que precisa na bolsa, para ir direto. Nada de decidir embaixo das cobertas se irá treinar ou não, pois a chance de você conseguir levantar e ir, é muito pequena.

Disciplina

Criar uma rotina de exercícios, irá te impedir de faltar ao treino. Ao invés de decidir na hora, se vai ou não, você pode se organizar. Escolha o horário e os dias da semana que deseja treinar, assim você cria uma rotina disciplinada e aos poucos irá sentir cada vez menos vontade de faltar.

no-inverno-não-pare-de-se-exercitar

Companhia

Se tiver, melhor. Uma companhia irá te incentivar a não faltar, alcançar suas metas, encarar novos desafios. Algumas academias oferecem pacotes especiais para famílias e até descontos na indicação de outra pessoa. Seja para malhar em academias ou se exercitar na rua ou em parques, uma companhia pode ser o diferencial. Motivem-se!

Horário

Algumas pessoas gostam de treinar a noite, após o trabalho, porém se você acha que a vontade de ir para casa será muito maior, que tal treinar pela manhã? Assim você já se livra desse compromisso logo cedinho, depois é só sair do trabalho e ir para casa.

Atividades

Prefira atividades mais prazerosas àquelas que você faz só por obrigação. Matricule-se em atividades indoor, como zumba, step, jump, artes marciais, natação em piscina aquecida, jogos em quadras cobertas, etc.

E agora, sem desculpas! A saúde necessita que cuidemos dela em todas as estações do ano, então deixe a preguiça de lado e continue caprichando nos exercícios físicos!

Conheça a Maratona de Papais-noéis

Se você pensa que os únicos hobbies do Papai Noel são criar renas, responder cartas e distribuir presentes, você está muito enganado. Na Filadélfia, cidade americana da Pensilvânia, nos Estados Unidos, há também uma legião de Papais Noéis corredores de maratonas. E não para por aí, a cidade conta também com o Papai Noel maratonista com o melhor tempo de prova, nas de 42km, entre todos os velhinhos do mundo.  Continue lendo

Atividades físicas contra o câncer de mama

Ainda estamos em outubro, ou seja, o clima ainda é de outubro rosa, data tão importante para a saúde de toda mulher. Já falamos aqui no Blog sobre alguns mitos e verdades sobre câncer de mama.

Mas temos mais um aspecto muito importante sobre a doença: uma das formas de se prevenir contra o câncer de mama é praticando atividades físicas regularmente, pelo menos três vezes por semana. Continue lendo

Aulas de Jump para turbinar a sua corrida

Quando se corre em alto nível é preciso estar sempre buscando melhorar o seu desempenho, principalmente na preparação de alguma prova nova. No entanto, é preciso estar atento aos limites do seu corpo para que ele não sofra alguma lesão ou até mesmo overtraining.

Para que isso não aconteça, a saída de muitos corredores é encontrar atividades alternativas para intercalar com a corrida e que tragam benefícios a ela. Já falamos aqui no blog sobre alguns treinos como o de corda, pilates, spinning e até mesmo a zumba.

No texto de hoje vamos falar sobre mais um tipo de exercício que pode turbinar a sua corrida, o Jump, sensação nas academias brasileiras. Continue lendo